Guia de Materiais

Saudações!

Resolvi organizar todos os materiais que possuo em uma lista e quero compartilha-la com vocês. Desta forma fica mais fácil saber sobre o que já falei ou sobre o que ainda vou falar. Essa página também serve de guia, a fim de encurtar o caminho entre vocês e as resenhas dos materiais.

A lista é bem mista, contém materiais comuns e profissionais, então, divirtam-se.

Desenho

  • Grafite (Parte 1) – Link
  • Grafite - Resenha - Lápis Staedtler Tradition 110 – Link
  • Borrachas – Link
  • Borrachas abrasivas – Link
  • Caneta Borracha - Maped – Link
  • Lapiseira Grip Matic 0.7 – Link
  • Lapiseira GraphGear 500 – Link
  • Porta-minas Koh-I-Noor 5201 – Link
  • Comparativo de lapiseiras e porta-minas – Link
  • Apontador de mesa XingLing – Link

Finalização

  • Canetas Nanquim – Estou preparando a parte dois dessa postagem. – Link
  • Tinta Nanquim — Quero refazer essa postagem. – Link
  • UniBall Eye Fine – Link
  • Sakura Pigma FB e Pen 10 – Link
  • COPIC Multiliner BS – Link
  • Comparativo - Canetas ponta de pincel – Link
  • COPIC Gasenfude – Link
  • Arte final sem nanquim – Link

Lápis de cor

  • BIC Evolution – 24 cores (escolar) – Link
  • LABRA - Linha Natureza – 12 cores (comum) — Link
  • LABRA - Linha Natureza – 36 cores (comum) — Link, Link2
  • Koh-I-Noor - Magic – 3 cores (profissional) – Link
  • Leo e Leo – Confira
  • Faber-Castell apagável – 12 cores — Confira
  • Faber-Castell Colour Grip – 24 cores (comum)

Lápis de cor aquarelável

  • Faber Castell – 24 cores (comum)
  • Derwent - Watercolour – 12 cores (profissional) – Link
  • Caran D'Aché - Supracolor – 1 cor (profissional) – Link
  • Koh-I-Noor - Mondeluz – 9 cores (profissional) – Link
  • MAPED - Color'Peps –24 cores (comum) – Link

Giz Pastel

  • Koh-I-Noor - Toison D'Or (pastel seco) – 12 cores (profissional)
  • Faber Castell (pastel oleoso) – 15 cores (comum)
  • Staedtler (pastel oleoso) – 12 cores (comum)
  • Pentel - Oil Pastel – 36 cores (profissional)

Pintura

  • Koi WaterColor - aquarela em pastilha (profissional) – Link
  • Talens – Parte 1 - guache (profissional) — Link
  • Talens – Parte 2 - guache (profissional) — Link
  • Pentel Arts - Water Colours 12 cores – Link
  • Sinoart - Kit de Pincéis  – Link

Marcador

  • Faber Castell -12 Canetas Grip aquareláveis – Link
  • COPIC Neutral Grays - 5 tons – Link
  • Touch Three (by Marcelo Otero) – Link
  • Marcador branco Toke e Crie – Confira

Acabamento

  • Ecoline Branca — Quero refazer essa postagem. – Link
  • Sakura Pen-touch Branca – Link
  • Pentel - Caneta Corretiva
  • Pincel com reservatório de tinta branca – Link

Lettering

  • Resenha - Sakura Calligrapher 30

Aguardem, sempre que possível incluirei outros itens à lista.

Alguns dos materiais que estão na lista não possuem links. Provavelmente, por que não fiz resenhas dignas sobre eles. Através do campo de busca, vocês podem procurar o material nas postagens que fiz.

Até breve.

4 comentários:

  1. Olá amigos, desculpem, sou nova por aqui e já estou pedindo favores na forma de informações. Necessito fazer um trabalho para uma escola de Yoga na India, preciso desenhar as posturas a lápis e descrever a postura em caneta. O problema é que tenho que usar frente e verso do caderno pois cada postura usará o verso da pag. anterior para modo clássico e a frente da fl. seguinte para adaptações. Que caneta devo usar para que a escrita não seja visível do outro lado? Pentel 0,9 é boa para o desenho? Muita grata pelas sugestões!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seja bem vinda Olga.

      Tudo irá depender do papel que você vai escolher para o trabalho e do tipo de tinta da caneta que você possui à sua disposição.

      - Qual é o suporte (papel) que irá utilizar para fazer os desenhos?

      - Qual a espessura do papel?

      Para que não seja possível ver o desenho do outro lado, recomendo utilizar papeis com gramatura superiores a 90g e de preferência trabalhar com canetas que possuam tinta que não seja à base de água e de álcool. Nesse caso, FAÇA TESTES com canetas com tinta tipo nanquim (http://www.mateuscena.com.br/2014/09/nanquim-parte-1.html) no papel escolhido, antes de realizar o trabalho final.
      As canetas que podem te dar dor de cabeça geralmente são as mais simples, como as de escrever em CD (tinta a base de álcool) ou as canetas Stabilo (tinta a base de água). Você até pode usar esferográficas, contudo, além da possibilidade de borrar e manchar o desenho, essas tintas não são tão resistentes quanto as tintas profissionais como nanquim.

      Recomendo procurar o grupo do Facebook Bate-papo Ilustrado, tem muito ilustrador(a) fera lá que também pode te ajudar, caso as dicas que eu dei não resolva sua pendência.

      Abraços e até breve.

      Excluir
  2. Oi Mateus!

    Achei super útil essa página! Minha pesquisa era sobre lápis de cor, e encontrei o que eu procurava aqui. Posso fazer uma sugestão? Que tal fazer uma página ou uma área do blog reservada a iniciantes? Algo como "por onde começar". Eu tenho uma certa dificuldade de organizar informações, li sobre vários materiais no seu blog, mas fiquei na dúvida, o que eu devo comprar, o que eu devo saber primeiro, como eu começo a estudar, enfim, por onde eu começo? Acho que seria bacana, e ia ajudar muito, não só a mim mas outros visitantes do seu blog, que provavelmente vem aqui procurando dicas pra entrar no mundo das ilustrações também

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Arrasou Marina!

      Vou começar a trabalhar nisso assim que possível, não havia pensado nisso antes, às vezes sou meio desorganizado também e completamente voado. kkkk

      Acompanhe o blog, por que assim que descobrir a melhor forma de fazer isso, faço uma postagem ou um aba nova.

      Abraços!

      Excluir

Aguarde um pouco. Assim que eu ler seu comentário, ele será publicado e terei o maior prazer em respondê-lo.

Agradeço por comentar!

Um abraço e até breve.